quarta-feira, 29 de junho de 2022

Excelência em Ergonomia

Força excessiva, postura inadequada e movimentos repetitivos são alguns fatores que podem levar trabalhadores ao adoecimento em diversas áreas de atuação. Para evitar possíveis lesões de músculos, tendões e nervos, algumas práticas preventivas devem ser adotadas nas empresas:

  • Prática de exercícios de aquecimento, com preferência para movimentos contrários aos realizados nos postos de trabalho;
  • Posicionamento dos objetos de trabalho o mais próximo possível da frente do corpo, evitando desvios constantes da postura adequada, como rotação de tronco, sair fora da área de alcance do tronco em posição neutra etc.;
  • A altura da cadeira de quem trabalha sentado não deve ser nem muito baixa, nem muito alta, de maneira que os pés estejam sempre apoiados no chão e os cotovelos em uma angulação de 90 graus em relação ao teclado. Se não houver regulagem da cadeira, pés ao chão e cotovelos a 90 graus do teclado devem ser ajustados com apoio para os pés regulável;
  • Alternância, sempre que possível, da postura de trabalho. Quem trabalha sentado, ficar em pé e caminhar, por exemplo;
  • Evitar tarefas que tenham o mesmo padrão de movimento. Havendo esta necessidade, deve-se procurar motivos para alternar movimentos e/ou atividades e/ou posturas;
  • Antes do levantamento de cargas pesadas é preciso garantir que o acesso esteja desobstruído e as condições de piso estejam adequadas para evitar tropeções ou escorregões;
  • O trabalhador que for levantar a carga deve respirar fundo e prender a respiração, além de flexionar as pernas e o tronco simultaneamente para apanhar a carga – com joelhos estendidos, a sobrecarga na coluna vertebral é muito grande podendo machucar-se;
  • A posição agachada deve ser adotada somente para levantar peso de carga compacta e que caiba entre os joelhos;
  • Durante o carregamento da carga, o peso precisa ser distribuído igualmente nos dois lados do corpo do trabalhador, que deve estar com os braços junto ao corpo e utilizando as duas mãos. Nunca se deve carregar peso na cabeça;
  • Oriente os trabalhadores a procurarem atendimento médico em casos de dor e/ou desconforto.

Fonte: Sesi Ceará (https://www.sesi-ce.org.br/blog/10-dicas-de-excelencia-em-ergonomia/)

Revisão: Lucy Mara Baú

Artigos relacionados

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui