Ato em Brasília/DF, marcará os 16 anos da Chacina de Unaí


José Cruz/Arquivo Agência Brasil
Data: 21/01/2020 / Fonte: Sinait

Brasília/DF – Na próxima terça-feira, dia 28 de janeiro, O SINAIT realizará, em Brasília (DF), Ato Público em frente ao prédio do Tribunal Regional  Federal – TRF da 1ª Região, às 10 horas. É no Tribunal que ainda  tramitam alguns recursos protelatórios dos mandantes condenados pelo crime.

No dia 28 de janeiro completam-se 16 anos do crime de Unaí sem que nenhum dos mandantes tenha sido preso, mesmo após serem julgados e condenados pelo assassinato dos três Auditores-Fiscais do Trabalho – Eratóstenes de Almeida Gonsalves, João Batista Soares Lage e Nelson José da Silva – e do motorista Ailton Pereira de Oliveira, todos servidores do então Ministério do Trabalho e Emprego – MTE. Eles estavam em uma estrada da zona rural do município mineiro, quando foram abordados e assassinados com tiros à queima-roupa. O motorista, mesmo baleado na cabeça, teve forças para levar a caminhonete de volta ao asfalto, onde foram encontrados.

Norberto Mânica – mandante, Hugo Alves Pimenta e José Alberto de Castro – intermediários tiveram a condenação confirmada em segunda instância em 19 novembro de 2018, pelo TRF1. O Tribunal, no entanto, reduziu as penas.
Além disso, na mesma data, o TRF1 anulou o julgamento de Antério Mânica, que foi condenado pelo Tribunal do Júri como mandante. A anulação foi motivada por confissão do irmão Norberto Mânica, em que assume ser o mandante do crime.

Após serem rejeitados os recursos de Embargos de Declaração impetrados pelos condenados, em julho de 2019, e publicado o Acórdão, no mês seguinte, eles ingressaram com novos recursos de Embargos de Declaração no TRF1 para protelar a prisão.

O Supremo Tribunal Federal – STF negou, em setembro de 2019, pedido de Hugo Alves Pimenta para recorrer em liberdade até o esgotamento de recurso de sua condenação.

Por tudo isso e pela falta de punição dos culpados, o SINAIT realizará mais um ato de protesto, reafirmando sua posição de que esse crime contra a Auditoria Fiscal do Trabalho e o Estado Brasileiro não pode ficar impune.
 
SERVIÇO
28 de janeiro – terça-feira

10 horas
Ato público em frente ao prédio do TRF1, em Brasília

Artigos relacionados

Finalistas do Prêmio Proteção Brasil serão divulgados em live realizada na sexta-feira

Por Bruna Klassmann/Jornalista da Revista Proteção Na sexta-feira, dia 3 de julho, às 11 horas, será divulgado os finalistas...

Live abordará sobre a revisão das normas de EPIs contra queda de altura

Por Bruna Klassmann/Jornalista da Revista Proteção A ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) publicou as revisões de sete Normas...

Live da Proteção focará na atuação dos SESMTs em tempos de Covid-19

Por Bruna Klassmann/Jornalista da Revista Emergência Os profissionais de saúde e segurança do trabalho enfrentam desafios diários diante da...

Programa Trabalho Seguro maratona lives sobre trabalho decente em tempos de crise

Fonte:Tribunal Superior do Trabalho O Programa Nacional de Prevenção de Acidentes de Trabalho (Programa Trabalho Seguro) da Justiça do...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui