sábado, 24 de outubro de 2020

Artigo – Iluminação: novo marco – Ed. 345

NHO 11 regulamenta medições de iluminância em ambientes internos de trabalho

A verificação dos níveis de iluminância é uma das tarefas dos profissionais da área de Segurança e Saúde no Trabalho para ambientes internos de trabalho. Para discutir os avanços relativos ao tema, é necessário um breve resgate histórico da evolução normativa nos quesitos de iluminação até a publicação da norma NHO 11 – Avaliação dos Níveis de Iluminamento em Ambientes de Trabalho Internos. Importante observar que os termos “níveis de iluminamento” e “iluminância” são considerados equivalentes.

Inicialmente a Portaria n.º 3.214, de 08 de junho de 1978, aprova as NRs (Normas Regulamentadoras) do capítulo V, Título II, da Consolidação das Leis do Trabalho, relativas à Segurança e Medicina do Trabalho citando a iluminação como um dos elementos centrais para a saúde e segurança do trabalhador em seu ambiente laboral. Nessa portaria, a palavra “iluminação” ocorre treze (13) vezes ao longo do texto.

Na década seguinte, em 1986 é publicada uma norma para avaliação ocupacional do nível de iluminamento (NHT 10-I/E); a primeira norma preocupada com a necessidade de fixar níveis mínimos de iluminância para planos de trabalhos críticos e em atividades específicas. Até novembro de 1990 a NHT 10-I/E foi a norma referência para determinar a qualidade da iluminação em um ambiente de trabalho;


Dados do autor:

Danilo Ferreira de Souza – Professor do Departamento de Engenharia Elétrica da UFMT (Universidade Federal de Mato Grosso), graduado em Engenharia Elétrica pela UFMT, especialista em Engenharia de Segurança do Trabalho, especialista em Energia e Sociedade pela UFRJ, mestre e doutorando em Energia pela Universidade de São Paulo (IEE/USP) e membro do Comitê Brasileiro de Eletricidade (ABNT/CB-003).
[email protected]

Confira o artigo completo na edição de setembro da Revista Proteção.


Artigos relacionados

Balbúrdia na saúde: “listafobia” a nova doença relacionada ao trabalho

*Por Marcia Bandini A primeira semana de setembro foi cheia de emoções para a saúde dos trabalhadores. Uma novela...

Ensino a Distância: tendência acelerada – Ed. 346

Por Martina Wartchow/Jornalista da Revista Proteção Treinamentos EAD vêm crescendo na área de Segurança e Saúde do Trabalho e...

Entrevista: ação estratégica – Ed. 346

Por Daniela Bossle/Editora e Jornalista da Revista Proteção Diretor executivo da Animaseg defende política de governo em relação à...

Artigo – Plataformas Elevatórias: novidades nas alturas – Ed. 346

Mudanças normativas nas atividades com plataformas de trabalho aéreas trazem impactos O mercado brasileiro de plataformas de trabalho aéreas...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui